Comunidade Evangélica de Confissão Luterana em Canoinhas

casal_evangelico_flores

A palavra namoro não é encontrada nas Sagradas Escrituras. Contudo, a Palavra de Deus fala de compromissos pré-nupciais ou pós-nupciais. Portanto, temos aí duas palavras que podem ser perfeitamente empregadas para definir o namoro e o casamento de nossa época. Deste modo, fica evidente que o que conhecemos como namoro diverge e muito do propósito de Deus descrito em sua Palavra e vivenciado por aqueles que honravam seu nome.  Os cristãos dão ao namoro o mesmo peso do noivado, entendendo-o como uma preparação para o casamento. Para os cristãos, namoro não é, apenas, curtição, mas uma saudável preparação. Cristãos não namoram para se conhecer, mas namoram porque já se conhecem o suficiente para caminhar um tempo, rumo ao matrimônio. A Bíblia não registra um relacionamento entre cristãos que não estejam se preparando para o casamento. É claro que nem todos os cristãos que namoram acabam casando, mas deveriam! Talvez a questão é que sobra “conhecimento” e falta Jesus em tais relacionamentos. A sociedade não pode ser transformada por meio dos ensinamentos do SENHOR sem o SENHOR dos ensinamentos. A Bíblia diz que o temor a Deus é o princípio da sabedoria, portanto, se as pessoas não reverenciam o nome de Jesus, não podem esperar nada na vida! No entanto, quando os seres humanos começam a voltar-se para Deus, Ele revela os cuidados que as pessoas devem ter em seus relacionamentos (Ed 9.10-12). A tristeza de Esdras é algo que falta na vida das pessoas de nosso tempo, ou seja, vemos pessoas que se relacionam com parceiros que não temem a Deus. Quando observamos as Escrituras percebemos que o falar de Deus à Esdras desaprova qualquer relacionamento entre o fiel e o descrente.

Quer namorar e ser fiel a Deus? Então, exclua candidatos que não estejam no SENHOR (1Co 7.39b), ou seja, aqueles que não estejam ligadas a Cristo e Sua obra. Uma pessoa cristã é aquela que está crucificada com Cristo, ou seja, que morreu para as coisas que Deus desaprova e que vive para aquilo que Deus quer. O fiel é uma pessoa que traz você para mais perto de Deus. Os tempos atuais são marcados por falta de arrependimento e excesso de remorso. As pessoas não tem disposição para obedecer a Deus, mas para obedecer ao próprio coração. No entanto, nem tudo está perdido: ao observarmos a tristeza de Esdras, percebemos que é possível nos arrepender de algo que fizemos e voltar para o Senhor.

Jesus ensinou que tudo que for pedido à Ele será concedido. Ore por um amor verdadeiro e deixe Deus ser Deus, ou seja, deixe Jesus cumprir com o que Ele prometeu. O amor verdadeiro não é precipitado, precoce, adiantado ou impaciente. Não se faz necessário manipular as circunstâncias para “ganhar” tal amor. Não é preciso seduzir para chamar atenção para si mesmo. Não é preciso “se entregar” com medo de perder o amado, a amada. É interessante notar que a mensagem do nosso mundo é exatamente o contrario, ou seja, o amor é precipitado, apressado, forçado até ao ponto em que a pessoa que espera o tempo de Deus é considerada ultrapassada. Que tristeza quando crianças de 8, 10, ou 12 anos “namoram”. Que pena quando adolescentes que não “ficam” são considerados caretas pelos colegas. Que tragédia quando jovens universitários são marginalizados por ainda serem virgens! Lembre-se, “Deus reserva os maiores prazeres matrimonias e amorosos para aqueles que esperam o tempo dEle! Mas mágoas e ressentimento esperam os que adiantam o tempo de Deus nos relacionamentos românticos”. Algumas pessoas apressam o amor por falta de confiança na soberania e no amor Divino. Deus nos ama mais que nós nos amamos. Deus tem tudo sob controle; Ele quer nosso bem; Ele desperta o amor na hora certa. “Tudo tem o seu tempo determinado. Há tempo para todo propósito debaixo do céu: há tempo de abraçar, e tempo de afastar-se de abraçar (Ec 3:1; 3.5). Mas o amor verdadeiro também é exclusivo, pois crê que esse plano inclui UM homem para UMA mulher para UMA vida inteira.

Poucas pessoas, no mundo, pensam desse jeito, porém o que é ainda mais triste é o fato de que muitos membros da igreja não concordam, ou pensam que essa exclusividade começa só com o casamento. Esquecem que a Bíblia não oferece base que apoie a infidelidade conjugal, a propósito, a Palavra de Deus afirma que a fidelidade entre os pares começa bem antes do casamento. O Novo Testamento aplica-se essa verdade ao contexto do casal casado, em que o corpo de cada um pertence ao outro: “A mulher não tem poder sobre o seu próprio corpo, e, sim, o marido; e também, semelhantemente, o marido não tem poder sobre o seu próprio corpo, e, sim, a mulher” (1 Co 7:4).

Jovens, preservem-se para o casamento! Confiar nos pais, nos parentes, ou nos líderes espirituais e na sabedoria dos que já trilharam esse caminho é sinal de sabedoria e prudência, pois eles podem lhe dar direção e conselho nas questões do coração. A oração é uma ferramenta poderosa para manter o bom relacionamento entre os pares e para alimentar o namoro até na velhice. “Buscai o SENHOR enquanto se pode achar, invocai-O enquanto está perto” e Ele guiará vosso pensar, vosso caminhar e vossos relacionamentos. Não cabe ao cristão aderir ao movimento de nossa época que é marcado pela procura de relacionamentos errados, em lugares errados e por meios errados. Cabe sim aos cristãos ser sal da terra e luz no mundo, ou seja, o cristão deve deixar um rastro de Deus por onde passar para que outras pessoas achem o caminho que leva a plena felicidade, a saber, ao Deus Filho que conduz ao Pai e Deus (Jo 14.6). Amém! Teol. Roberto Carlos de Moraes.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: